As soft skills, ou competências transversais, são as mais difíceis de desenvolver. Na verdade, podem fazê-lo destacar-se na sua time por tê-los ou não.

Na maioria das vezes não são um dom com o qual você nasceu, mas sim competências que pode aprender e aplicar.

Desta vez vou te falar sobre  duas habilidades suaves que são suficientemente cruciais para fazer a diferença entre uma pessoa assertiva e uma pessoa medíocre.

Straight talk

A comunicação é a chave. Se não for capaz de dizer as coisas de uma forma que outras pessoas o possam compreender plenamente, está fazendo algo errado.

A sua mensagem deve ser clara, transparente e direto. Uma fórmula que as pessoas utilizam para desenvolver uma comunicação eficaz é construir as suas frases desta forma:

Contexto + Problema +Pergunta/Petição 

Não é necessário ter uma conversa inteira sobre a sua vida para terminar falando  sobre nada. É uma perda de tempo, pule a introdução, vá direto ao assunto. Isso não significa que vai parecer uma pessoa rude; as pessoas vão agradecer se der ao seu tempo o valor que ele ou ela merece.

Você também pode ler: As 10 lições para liderar em tempos difíceis
Dar feedback direto

Quando estiver a dar feedback a alguém, age de forma que ele compreenda totalmente a mensagem. Se está a minimizar os seus erros apenas para fazê-lo sentir melhor, não o está ajudando a melhorar. 

Lembre-se que as verdades sem empatia são apenas crueldades. A fim de dar um feedback claro com a intenção de a outra pessoa crescer, tente não minimizar os aspectos que devem ser alterados. Seja honesto e assertivo, não ganhará nada se a outra pessoa for desencorajada.

Você também pode ler: Startups, culturas diversas e a crise
Perseverança e excelência

Se vai fazer algo, faça como deve ser. Isto significa que podem surgir obstáculos, problemas e questões, mas tem de ser suficientemente forte para levar tudo isso e construir uma escada para o seu objetivo.

Quando se põe de lado uma tarefa só porque ainda você não se sabe como resolvê-la, perde-se a oportunidade de aprender a um ritmo exponencial.

 As pessoas mais produtivas são bons aprendizes. O tempo que passa à procura da solução para o seu problema pode ser o tempo que poupa no futuro. Não se pode fugir dessas tarefas a vida toda. .

Essas competências transversais são alguns dos valores da nossa cultura na Truora. Não se encaixam em nenhum perfil profissional, toda a nossa equipe pode desenvolvê-los para fazer a melhor versão de si próprios.



Voltar ao topo

Neste artigo irá encontrar: