Segundo publicação feita pelo The Wall Street Journal, em média um adulto toma 35 mil decisões por dia. Desde escolhas mais simples, como qual a hora de levantar ou o que vestir, até mais complexas, como resolver um desafio no trabalho ou fazer um novo investimento financeiro.

Tomar decisões é algo natural e essencial em todos os âmbitos da vida. Entretanto, quando pensamos na área empresarial, elas possuem um peso ainda maior. Decidir o futuro da carreira de alguém, o aumento ou não de salários, escolher benefícios, promover treinamentos e pensar em ações que proporcionem destaque no mercado estão entre as tarefas mais difíceis dentro de um negócio. 

Isso porque existem diversos detalhes a serem considerados antes de fazer uma escolha. A análise de dados, faz exatamente isso e por essa razão tem se transformado em uma solução muito comum para estabelecer estratégias de gestão.

Esse processo inclui: avaliação dos objetivos da empresa, de oportunidades internas e externas disponíveis e ainda de quais dados podem contribuir para decisões bem orientadas e mais assertivas.

Benefícios da análise de dados para o setor de RH

Apesar do setor de RH ser caracterizado principalmente pelo papel na administração das emoções e comportamento dos colaboradores, ele também é responsável por estabelecer uma ligação do capital humano com o negócio. Nesse sentido, é uma das áreas que mais podem se beneficiar com a análise de dados.

Dessa forma, mesmo tratando de assuntos voltados para questões humanas, o setor também pode (e deve) considerar informações mais analíticas para melhorar as ações feitas pelo departamento. Assim é possível aumentar a receita, prever tendências e otimizar os esforços operacionais de todos os setores da instituição.

O People Analytics é o principal recurso recomendado para isso. A metodologia, como já apresentamos aqui, combina estatísticas, tecnologia e um conjunto de dados sobre a organização e os funcionários.

Onde aplicar a análise de dados

A análise pautada em dados, conforme os métodos de People Analytics, pode ser implementada de diversas maneiras. Mas aqui separamos algumas opções de onde ela pode ser aplicada de acordo com cada objetivo. Confira:

Aumentar a performance

Com foco em aumentar a performance da instituição, a metodologia contribui para identificar competências necessárias para o colaborador ter uma boa atuação, subir sua posição na empresa e se desenvolver.

Para isso, é necessário acompanhar dados de desempenho, resultados e informações que auxiliem na metrificação de cada funcionário de forma personalizada. Por exemplo: Avaliação de aprendizagem e ROI de treinamentos.

Cultura organizacional

Se a sua empresa precisa melhorar o clima organizacional e aproximar os funcionários dos valores centrais da instituição, é possível a partir do People Analytics. Através dessa metodologia é possível aplicar uma pesquisa de clima e fazer análises dos dados obtidos para desenvolver ações específicas com objetivo de engajar a equipe e reduzir o turnover dos colaboradores. Exemplos de índices que podem ajudar: Absenteísmo, rotatividade (turnover) e frequência.

Políticas de retenção de talentos

Reter talentos é uma dificuldade encontrada em diversas organizações. Para mudar essa realidade é necessário localizar quem são esses funcionários destaques e entender suas principais demandas. Dessa forma, elabore estratégias para mantê-los satisfeitos e engajados. Considere para essa avaliação: Dados de engajamento, níveis de relacionamento com a equipe e performance.

Recrutamento e seleção

Atrair, escolher e contratar a pessoa certa para uma vaga de emprego exige muita pesquisa e análise. A sua empresa pode oferecer muitos benefícios e ser um excelente local para trabalhar, mas se ela não souber chamar a atenção dos candidatos desejados, ela estará falhando em um ponto chave para atingir o sucesso.

A metodologia People Analytics colabora para essa questão compatibilizando currículos e competências, entre a vaga, a pessoa e a empresa.

Avalie o procedimento de contratação do início ao fim, reconsidere os critérios estabelecidos para a função, consulte características dos candidatos e reveja pontos de atenção e melhorias no processo.

Faça essa análise de dados em até 2 minutos!

Automatizar o procedimento de geração de dados economiza tempo e dinheiro, ao passo que melhora a eficiência dos negócios e garante o carregamento de todas as informações de maneira estruturada. Além também, de reduzir possíveis erros cometidos devido ao alto volume de dados a serem validados. 

Dessa forma, conte com a ajuda de um software que otimize esse processo. A ferramenta TruChecks by Trutora possibilita a verificação completa de dados de maneira organizada, com checagem feita em mais de 200 fontes de informação. Com o TruChecks você tem acesso a:

  • Informações detalhadas sobre cada consulta que você fizer.
  • Alertas de risco.
  • Relatórios para download de todas as suas pesquisas.
  • Personalização dos critérios mais importantes para a sua organização.
  • Acompanhamento dos dados ao longo do tempo.

 

Neste artigo irá encontrar:

Subscreva nosso blog

Todas as informações e conteúdos que o seu negócio precisa, em apenas três minutos de leitura.

click here!